Critérios de Seleção de documentos

Base de Datos MOSAICO
“Modelos de saúde e Medicinas Tradicionais, Complementares, e Integrativas nas Américas”

Critérios de Seleção de documento

  1.   Cobertura

A base de dados MOSAICO (Modelos de Saúde e Medicamentos Tradicionais, Complementares e Integrativos nas Américas) é uma base de dados especializado sobre o tema de Medicamentos Tradicionais, Complementares e Integrativos e práticas de saúde relacionadas (MTCI). Esta base de dados inclui documentos convencionais e não convencionais, de caráter técnico-científico, produzidos na região das Américas, de acordo com os critérios descritos neste guia.

O conteúdo da MOSAICO é voltado para profissionais de saúde em geral, que atuam em diferentes áreas, como prática clínica, pesquisa, educação e gestão de políticas públicas no MTCI.

O principal fator que determina a inclusão ou exclusão de um documento na base de dados MOSAICO é seu conteúdo, independentemente da forma física em que é apresentado.

1.1 Cobertura Temática

A base de dados MOSAICO abrange toda a área de Medicinas Tradicionais, Medicinas Complementares e Medicinas Integrativas (MTCI), cobrindo todos os tipos de sistemas médicos, modelos de saúde, práticas de saúde e terapias relacionadas, a partir dos aspectos da promoção da saúde, prevenção de doenças, manejo de doenças, atenção clínica, bem como políticas públicas, educação e pesquisa. Os documentos, incluídos na base de dados MOSAICO, podem ser desenvolvidos a partir de outras áreas do conhecimento, não exclusivamente na área da saúde, se o seu objeto de conhecimento estiver relacionado com MTCI.

O conceito de “Medicinas tradicionais, complementares e integrativas” utilizado para esta base de dados agrupa uma série de sistemas médicos, terapias, práticas de saúde, que têm em comum uma visão abrangente do ser humano, saúde e doença. Alguns desses sistemas fazem parte das tradições ancestrais e do conhecimento das culturas antigas, e outros são propostas inovadoras que promovem uma visão holística da vida, saúde, processos de doença, cuidado, autocuidado, recuperação, reabilitação e até mesmo da morte. (Para maior expansão do assunto ver “Estrutura temática“).

De modo geral, a cobertura temática da base de dados é expressada em linguagem documentária no DeCS – Descritores em Ciências da Saúde, vocabulário controlado que serve ao documentalista para analisar o conteúdo dos documentos a serem incluídos, bem como para posterior recuperação dos mesmos. (A BVS MTCI está avançando ajustes no DeCS no tema MTCI).

Assim, sempre que o conteúdo puder ser descrito utilizando um ou mais descritores específicos da área de MTCI no DeCS, ele deve ser considerado para inclusão na base de dados MOSAICO.

O DeCS é uma tradução para o português e espanhol do Medical Subject Headings (MeSH), produzido pela Biblioteca Nacional de Medicina dos EUA, com expansão para Saúde Pública (SP), Homeopatia (HP), Ciência e Saúde (SH) e Vigilância Sanitária (VS).

1.2 Cobertura Cronológica

Não há restrição cronológica, dando-se preferência à entrada de material mais recente para contribuir para a atualização da base de dados.

1.3 Cobertura Geográfica

Serão incluídos os documentos sobre MTCI no contexto da Região das Américas, independentemente da nacionalidade dos autores ou do país de publicação do documento. Também os documentos produzidos pela Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), seus Programas e Centros Especializados.

Poderão ser incluídos documentos sobre o MTCI na Região das Américas, publicados em países fora da região, caso o documento não seja indexado no Medline.

1.4 Cobertura Idiomática

Serão considerados para inclusão documentos em espanhol, português, inglês, francês, que são idiomas oficiais da OPAS, mas pode-se incluir documentos de outros idiomas e dialetos.

No caso de documentos com versões em vários idiomas e separados fisicamente, que são frequentes nos documentos da OPAS, todas as versões podem ser processadas.

  1.    Tipo de Literatura

A principal regra de seleção é a seguinte:

Um documento será considerado para inclusão na BD MOSAICO desde que seu conteúdo se refira a Medicinas Tradicionais, Complementares e Integrativas (MTCI) e possa ser descrito usando um ou mais dos descritores DeCS.

Atendendo a condição essencial e respeitados os limites da cobertura geográfica, cronológica e linguística, os seguintes pontos também deverão ser considerados:

a) Qualidade do conteúdo

O conteúdo dos documentos deve ser de natureza técnico-científica, preferencialmente pesquisa básica ou aplicada, realizada com o rigor do método científico, e documentos técnicos e normativos de órgãos governamentais ou organizações internacionais.

b) Validade e importância do conteúdo

Os documentos incluídos na base de dados MOSAICO devem ser úteis para: tomada de decisão em saúde (estabelecer um diagnóstico, prescrever um tratamento, aceitar ou rejeitar uma tecnologia, definir políticas, etc.); elaboração de projetos ou estabelecimento de programas (informação estatística, socioeconômica, cultural, etc.); resolução de problemas específicos do país ou região; usar como referência ou consulta; capacitação pessoal (materiais educativos para cursos, seminários, etc.); avaliação de atividades, procedimentos, serviços, sistemas, métodos, etc.

Nota: Os núcleos da Rede MTCI Américas em cada país podem incluir na base de dados MOSAICO a produção científica e/ou técnica nacional significativa e representativa que merece ser divulgada internacionalmente, desde que atenda aos outros critérios deste guia.

2.1 Publicações Periódicas – Revistas

As revistas a serem incluídas na MEDTICAM serão selecionadas pelos Núcleos da Rede, seguindo os critérios más específicos que esta possa definir. Por exemplo, serão incluídas apenas revistas regulares, que continuam sendo publicadas, e não revistas já fora de circulação. As revistas já indexadas regularmente pelas bases de dados Medline ou LILACS não devem entrar na base de dados MEDTICAM, pois o propósito dessa base de dados é complementar documentos sobre MTCI para as bases de dados já incluídas na BVS, como Medline e LILACS.

a)     Seleção de artigos de revistas

A seleção de artigos de cada número das revistas selecionadas para a base de dados MEDTICAM deve considerar para a inclusão:

  • Artigos originais, com título e autores expressamente citados;
  • Artigos de revisão, atualização, relatório de caso;
  • Comentários ou discussões sobre assuntos ou artigos originais, com autores e/ou títulos definidos. Se a discussão não apresentar autores definidos, será considerada parte do artigo e sua paginação será incluída na do artigo;
  • Editoriais que possam ser considerados artigos científicos especiais, geralmente acompanhados de referências bibliográficas;
  • Trabalhos apresentados em eventos científicos e publicados em revistas. Caso estiverem publicados apenas os resumos dos trabalhos apresentados em eventos científicos, não deve ser analisado cada resumo. Neste caso, o fascículo deve ser incluído em sua totalidade e indexado conforme o tema geral do evento;
  • Cartas ao Editor, de conteúdo substancial e que sejam equivalentes a “pequenos artigos”;
  • Entrevistas com conteúdo científico significativo.

Não devem ser considerados:

  • Editoriais que constituam apenas introdução aos temas da revista, geralmente assinados pelo editor;
  • Notícias;
  • Traduções ou reimpressões;
  • Reproduções de artigos já publicados em revistas nacionais e/ou internacionais;
  • Editoriais, cartas, entrevistas e diálogos, sem conteúdo científico significativo, de caráter pessoal;
  • Resumos em geral: de artigos de revistas, de monografias, de trabalhos apresentados em eventos científicos etc.;
  • Resenhas de monografias;
  • Anúncios de medicamentos ou equipamentos;
  • Relatórios administrativos ou informativos de eventos científicos (Conferências, Congressos, Seminários etc.);
  • Relatórios financeiros e administrativos.

b)     Seleção de artigos de revistas – Separatas

Considera-se como separata parte de um trabalho (no caso, artigos de revistas).

No caso de artigos publicados em revistas não indexadas em Medline, LILACS ou MEDTICAM, o artigo poderá ser incluído como “separata” na base de dados, desde que forem atendidos os critérios gerais da MEDTICAM.

Por exemplo, o artigo:

The state of the integrative medicine in Latin America: The long road to include complementary, natural, and traditional practices in formal health systems.

Autores: Paulo Caceres Guido; Alejandra Ribas; Marisa Gaioli; y Adriana Macchi

Publicado na revista European Journal of Integrative Medicine, Volume 7, Issue 1, February 2015, Pages 5-12.

Esta é uma revista publicada fora da Região AL&C, que não é indexada em Medline ou LILACS, mas é de autores latino-americanos e trata do tema MTCI. Portanto, o artigo pode ser registrado na MEDTICAM como separata.

2.2  Monografias

Deverão ser consideradas para ingresso na MEDTICAM as monografias que estiverem de acordo com os critérios de seleção anteriormente expostos, publicadas nos países das Américas.

As monografias poderão ser analisadas em sua totalidade ou por capítulos (analíticas), possibilitando a utilização de toda a potencialidade do sistema de informação na descrição bibliográfica e de conteúdo do capítulo ou parte.

Diferentes edições serão consideradas como registros independentes. Reimpressões de uma mesma edição não deverão ser consideradas como novos registros. A informação sobre a reimpressão pode ser agregada como “nota” ao registro.

2.3  Trabalhos apresentados em eventos científicos

Trabalhos apresentados em eventos científicos: seminários, conferências, reuniões, congressos etc., poderão ser incluídos na base de dados MEDTICAM, independentemente de terem sido publicados em partes ou reunidos nos Anais dos respectivos eventos.

Se nos Anais tiverem sido publicados apenas os resumos dos trabalhos, eles não devem ser analisados. Nesse caso, os Anais devem ser registrados em sua totalidade (nível monográfico) e indexados conforme os temas gerais do evento.

2.4 Manuais, guias etc.

Este tipo de publicação está dirigida à prática das MTCI; geralmente, se propõe ao profissional de saúde procedimentos diante de situações específicas de atenção à saúde. Devem ser incluídos e analisados preferentemente em nível monográfico.

2.5 Tese e Dissertação

Serão incluídos na MEDTICAM teses de doutorado, dissertação de mestrado ou livre docência e outros níveis superiores de pós-graduação “stricto sensu” ou “lato sensu“.

2.6 Informes técnico-científicos

Devem ser incluídos informes técnico-científicos com conteúdo significativo e que descrevam serviços ou atividades técnicas realizadas por Sociedades, Associações, Instituições, Programas, Consultorias, Projetos etc.

2.7 Legislação sanitária

Devem ser incluídos os materiais monográficos sobre legislação, normas, regulamentação (Leis gerais de saúde, regulamentos sanitários, projetos e Anteprojetos de Lei etc.) de âmbito municipal, estadual ou nacional.

2.8 Material Educativo

Deverão ser incluídos materiais educativos de conteúdo significativo, produzidos por instituições de ensino, sociedades científicas, órgãos governamentais e não governamentais reconhecidos na área.

Não deverão ser incluídos cartazes, folhas soltas e outros materiais de vida efêmera.

Faltaria desenvolver material audiovisual

  • Exposições científicas
  • Capacitação para um determinado público
  • Congressos